Projetos

Os Projetos de Arquitetura Completos são realizados em 4 fases distintas, sendo:

1) Estudos Arquitetônicos/Concepção definitiva do Projeto;

2) Projeto Executivo;

3) Projeto Legal;

4) Projeto de Arquitetura de Interiores. Podendo ser contratado por etapas.

Projetos que visam sustentabilidade em vários níveis:

Sustentabilidade:

  1. Eficiência energética: Redução do consumo de energia elétrica em todo o ciclo de vida da habitação; utilização de fontes renováveis; equipamentos de baixo consumo; otimização da iluminação natural.

  2. Uso racional da água: Redução do consumo, da geração de efluentes. Captação de água pluvial.

  3. Conforto térmico: Análise. Ver (Climatização)

  4. Economia na racionalização da Estrutura de concreto e Fundações.

  5. Exigência de qualidade e durabilidade dos materiais (Ciclo de vida).

 

 

 

  1. PD: ESTUDO PRELIMINAR DE ARQUITETURA E CONCEPÇÃO FINAL DO PROJETO ARQUITETÔNICO DEFINITIVO:

    Proposta de edificação sustentável priorizando a saúde dos usuários, conceitos e princípios de sustentabilidade, contendo plantas, cortes, fachadas e perspectivas. Define claramente o partido adotado, a concepção espacial e estética, o método construtivo, definição da estrutura de concreto/metálica. Esteticamente busca-se uma identificação com a personalidade dos contratantes, suas preferências estéticas, espaciais e culturais. Sua identidade pessoal ou institucional. Buscamos projetos modernos, com linhas impactantes, conceitos de espaços integrados e grande relação com o sítio e a natureza local. Apresentação em plantas, cortes, fachadas, imagens tridimensionais (3D), vídeos.
     

  2. PROJETO EXECUTIVO DE ARQUITETURA:

    Contendo plantas, cortes, fachadas, memoriais descritivos, com todos os detalhamentos técnicos necessários para a execução da obra. Gerenciamento e compatibilização dos projetos de Engenharia complementares (Estrutura/Elétrica/Hidráulica). Com detalhamentos em Escala 1:50 e 1:25.

     

  3. PL: PROJETO LEGAL:

    Aprovação do Projeto de Arquitetura nos órgãos públicos e Condomínios/Loteamentos.

     

  4. PI: PROJETO DE ARQUITETURA DE INTERIORES:

    É a intervenção detalhada nos ambientes internos e externos que lhes são correlatos, definindo uma forma de uso do espaço em função do mobiliário, dos equipamentos e suas interfaces com o espaço construído, complementando a concepção arquitetônica original, para adequação às necessidades de utilização da família sua personalidade e seu modo de vida.

    Esta intervenção se dá no âmbito: espacial; das instalações; de condicionamento acústico; de climatização; dos acabamentos; luminotécnico; da comunicação visual; das cores; de mobiliários; armários; balcões; equipamentos; quadros; gravuras; objetos complementares.

    O projeto será apresentado em plantas e memoriais descritivos, além da indicação e acompanhamentos do cliente nas lojas e empresas especializadas.

Entre em contato

Estamos disponíveis para te acompanhar do planejamento à execução da obra, entre em contato.

Obrigado pelo envio!